• tratamento de canal dentista VIP vila Mariana

    tratamento de canal sao paulo

    Você provavelmente esta lendo esta pagina porque que você precisa de tratamento endodôntico. Cada ano mais de 14 milhões de dentes recebem tratamento endodôntico. Sua escolha de receber um tratamento endodôntico assegura que você
    terá seus dentes naturais como uma fundação saudável para mastigação por longos anos.

    Se você nunca fez um tratamento endodôntico também conhecido como “tratamento de canal”, você poderá tirar algumas dúvidas ou expectativas que possa ter com nossos especialistas.

    Quem faz o tratamento endodôntico?

    Todo dentista, pode fazer o tratamento endodontico, na faculdade nós recebemos um pequeno treinamento endodôntico. Clínicos gerais conseguem fazer alguns tratamentos endodonticos, porém muitas vezes quem irá resolver seu problema terá que ser um especialista (endodontistas).

    Endodontistas são dentistas com treinamento especializado na área de endodontia. Eles só fazem tratamentos endodônticos nas suas clínicas por que eles são especialistas. Para serem especialistas, endodontistas completam o curso normal de odonto, e dois ou mais anos de treinamento avançado em endodontia.

    Eles fazem tratamentos endodônticos rotineiros, como também tratamentos altamente complexos, incluindo cirurgia endodôntica. Endodontistas também tem experiência em achar a causa de dor oral e facial que tem sido difícil de diagnosticar.

    O que é tratamento endodôntico?


    tratamento de canal vila mariana“Endo” é a palavra grega para “dentro”, e “odont” é a palavra grega para “dente”. Tratamento endodôntico trata a parte de dentro do dente.

    Para compreender tratamento endodôntico, ajuda se soubermos da anatomia do dente. Dentro do dente, de baixo do esmalte branco existe uma camada dura chamada de dentina, debaixo dela, há um tecido mole chamado polpa. A polpa contém vasos sanguíneos, nervos, e tecido conjuntivo, e cria os tecidos duros do dente durante o desenvolvimento do dente.

    A polpa estende da coroa do dente à ponta das raízes onde conecta aos tecidos que envolvem a raiz. A polpa é importante durante o crescimento e desenvolvimento do dente. No entanto, quando um dente está completamente amadurecido, ela pode sobreviver sem a polpa, por que o dente é nutrido pelos tecidos em volta dela.

    Porque eu precisaria de um tratamento endodôntico?

    Tratamento endodôntico é preciso quando a polpa fica inflamada ou infeccionada. A inflamação ou infecção pode ter uma variedade de causas: uma cárie profunda, muitos procedimentos dentários no mesmo dente, ou uma falha ou rachadura no dente.

    Além disso, um golpe ao dente pode causar dano à polpa mesmo que o dente não apresente falhas ou rachaduras visíveis. Se uma inflamação ou infecção não for tratada, ela poderá causar dor ou levar a um abcesso.

    Sintomas de dano à polpa incluem dor, sensibilidade do dente a frio ou calor, descoloração do dente, e inchaço e sensibilidade da gengiva em volta do dente. Algumas vezes, no entanto, não há nenhum sintoma.

    Como um tratamento endodôntico salva o dente?

    O endodontista remove a polpa inflamada ou infeccionada, cuidadosamente, limpa e molda o interior do dente, e enche e veda o espaço. Posteriormente, você precisará por uma coroa ou outra restauração no dente para proteger e restaurar a sua completa função.

    Depois de restaurado, o dente continuará a funcionar como qualquer outro dente.
    tratamento de canal dentario

    Eu sentirei dor durante ou depois do procedimento?

    Muitos procedimentos endodônticos são feitos para aliviar a dor de dente causada por inflamação ou infecção da polpa. Usando técnicas modernas e anestesia, a maioria dos pacientes dizem que eles passam pelo procedimento sem desconforto.

    Durante alguns dias depois do procedimento seu dente poderá estar um pouco sensível, especialmente se houve dor ou infecção antes do procedimento. Este desconforto pode ser aliviado com analgésicos corriqueiros.


    Quanto custa o procedimento?


    O custo varia de acordo com a severidade do problema e com o tipo de dente . Molares são mais difíceis para tratar e geralmente custam mais.

    Normalmente, o tratamento endodôntico com a restauração do dente sai mais barato do que ter o dente extraído. Um dente extraído deve ser reposto por uma coroa e uma ponte ou um implante para restaurar a mastigação e evitar o apinhamento dos outros dentes.


    O dente precisará de algum tratamento especial ou adicional?


    Até o dente ser restaurado, não se deve morder ou mastigar muito em cima, pois o dente sem a restauração final esta sujeito a fraturar. Fora disso, é só ter uma boa higiene oral, incluindo fio dental, escovação, visitas regulares para limpeza, e checagem com o dentista.

    A maioria dos dentes tratados endodonticamente duram igual a outros dentes naturais. Em alguns casos, um dente que teve tratamento endodôntico pode não sarar, ou a dor continuar. De vez em quando, o dente pode se tornar doloroso ou infectado em meses ou até anos depois de um tratamento bem sucedido. Muitas vezes quando isto acontece, outro tratamento endodôntico pode salvar o dente.


    O que causa um dente já endodonticamente tratado de precisar de mais tratamento?

    Novo trauma, cárie profunda, ou uma obturação quebrada, rachada, ou não fixa pode causar nova infecção dentro do dente. Em alguns casos o endodontista pode descobrir canais bem estreitos ou curvados que não poderiam ser tratados durante o primeiro tratamento ou que foram tratados por não especialistas.

    Todo dente pode ter tratamento endodôntico?

    A maioria dos dentes podem ser tratados. De vez em quando um dente não pode ser salvo por que os canais das raízes não são accessíveis, por que a raiz esta severamente fraturada, por que o dente não tem suporte ósseo adequado, ou por que o dente não pode ser restaurado. No entanto, avanços no campo de endodontia permitiram salvar dentes que até alguns anos atrás seriam perdidos.


    O que e cirurgia endodontica?

    A cirurgia mais comum se chama uma “apicectomia” ou uma recessão da ponta da raiz. Quando a inflamação ou infecção persiste na área óssea ao redor da ponta do seu dente depois do tratamento endodôntico, nós poderemos fazer uma “apicectomia”. Neste procedimento o endodontista abre o tecido da gengiva perto do dente e expõem o osso, e o tecido infectado é removido.

    A pontinha da raiz também é removida, e uma obturação pequenina pode ser instalada para vedar o canal da raiz. Anestesia local faz com que o procedimento seja confortável, e a maioria dos pacientes voltam às atividades normais no próximo dia.


    Quais são as alternativas para o tratamento endodôntico?

    Quando a polpa de um dente é danificada, a única alternativa para o tratamento endodôntico é a extração do dente. Para repor a função de mastigar e para prevenir que os dentes em volta do dente tratado se movam, o dente extraído tem de ser repostos com um implante ou ponte.



    Assuntos relacionados

    + Tratamento endodontia (canal)
    + Re-tratamento de canal
    + Perguntas frequentes
    + Mitos sobre o tratamento de canal





    Endodontista em São Paulo – SP Vila mariana, tratamento endodontico com qualidade

    Termos comuns: dentista tratamento de canal, odontologia tratamento de canal, tratamento de canal, tratamento de canal de dente, tratamento de canal de dente, tratamento de canal dentario, tratamento de canal dente, tratamento de canal dor, tratamento de canal em dente, tratamento de canal em dentes, tratamento de canal no dente, tratamento de canal nos dentes, tratamento do canal.


    www.dentistavip.com - (11) 5573-7923